8 de junho de 2014

APÓS SOFRER COM AS INUNDAÇÕES, MORADORES DA CIC SÃO REPRIMIDOS PELA POLÍCIA

Foto: Gazeta do Povo
Neste sábado, 07/06, as fortes chuvas que caíram sobre o estado do Paraná inundaram diversos pontos de Curitiba, afetando principalmente o maior e mais populoso bairro da capital a Cidade Industrial de Curitiba (CIC). 
por Samara Garratini

A CIC é o bairro que mais produz riqueza na cidade e talvez no estado do Paraná, pois é onde estão concentradas diversas fábricas importantes, inclusive multinacionais. Os moradores daquela região passaram a noite se protegendo da chuva, enquanto suas casas estavam sendo inundadas. Na manhã de domingo, sem luz e sem água, desesperados com as perdas, enquanto limpavam suas casas, esperando socorro da Defesa Civil e Bombeiros, queimavam os móveis estragados (o que é normal na cidade, devido aos constantes alagamentos). Quando foram surpreendidos pela polícia que, ao chegar ao local, portavam não somente cassetetes e spray de pimenta, mas também escopetas com balas de borracha.
Fonte: reprodução Facebook
Segundo relatos de moradores do local a polícia agiu com extrema violência, atirando com balas de borracha contra os moradores e acertando uma criança na cabeça.
Mas esse não foi o único caso de alagamento que aconteceu, houve protestos em diversos pontos da cidade bloqueando ruas e rodovias. A população atingida não faz exigências absurdas, apenas exigem a limpeza dos córregos (dragagem), e obras que evitem novos alagamentos.
Fonte: BandaB
Nós do PSTU apoiamos essas manifestações e somos totalmente contra qualquer tipo de repressão policial. Apoiamos porque sabemos que o governo investiu muito dinheiro em obras de urbanização para a Copa do Mundo, porém essas obras não têm como intuito favorecer os moradores dos bairros da periferia, mas sim facilitar e embelezar a estadia dos estrangeiros que estarão na cidade no período de jogos da copa.
Não é isso que queremos. Queremos e lutamos para que todas as pessoas possam morar em áreas seguras e sem risco de alagamentos. Queremos e precisamos que o dinheiro que pagamos em impostos não seja roubado por empreiteiras e governos através dessas obras de fachada para a Copa, que não resolve em nada a vida do povo trabalhador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui a sua opinião!

Marcadores