28 de abril de 2014

TODO APOIO A GREVE DOS EDUCADORES

PSTU Curitiba

A luta por uma educação pública e de qualidade é de todos nós

A população precisa apoiar a greve dos educadores, trata-se de uma luta em defesa da educação pública. Esses trabalhadores são responsáveis pela educação de milhares de crianças e jovens que representam o futuro do nosso país.

O governador Beto Richa/PSDB não priorizou a educação pública. Este governo tem aplicado uma política a favor dos grandes empresários. Preferiu gastar milhões com a Copa da FIFA ao invés de pagar os trabalhadores. Os R$ 130 milhões gastos nas cadeiras da Arena é o que falta para pagar os direitos dos educadores. Bloqueou R$ 78 milhões que seriam destinados à construção de 130 escolas e não tem uma política que melhore o atendimento a saúde dos educadores.

O governo tucano ataca a greve nos jornais e na televisão, afirma que não tem dinheiro para atender às reivindicações. Isso não é verdade. A arrecadação do Estado cresceu. É inaceitável que Beto Richa tenha aprovado auxílio moradia de R$ 4.500 para juízes, aumentado 30% no salário dos cargos de sua confiança e gastado R$ 100 milhões para reprimir os protestos durante a Copa enquanto as Universidades estaduais sofrem com o corte de 40% nas verbas.

Infelizmente esta mesma política vem sendo aplicada em nível nacional. A Copa também foi à prioridade do governo Dilma/PT, os serviços públicos foram deixados em segundo plano. É por isso que a população foi às ruas no ano passado e diversas categorias do serviço público federal estão em greve neste momento.

Estamos felizes em ver estudantes e familiares apoiando a greve. Essa solidariedade vem se transformando em apoio ativo, que precisa se ampliar nos bairros, igrejas, associações e locais de trabalho. Somente o povo unido na luta e nas ruas poderá mudar esta situação.

O PSTU estará presente nas mobilizações, assembléias e atos da categoria na greve, para denunciar o descaso com os trabalhadores e a educação no Paraná. Nosso partido estará ombro a ombro junto aos nossos militantes da categoria e demais educadores nesta luta.

- Exigimos que Beto Richa atenda a pauta dos educadores!
- Contra os cortes de verbas na educação pública!
- Beto Richa é inimigo dos trabalhadores!
- Dilma/PT rompa com os bancos e as multinacionais!
- A educação pública não pode esperar: 10% do PIB já!
- Exigimos educação padrão FIFA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui a sua opinião!

Marcadores