25 de fevereiro de 2014

Urgente: Beto Richa quer aprovar hoje (25/02) a privatização da saúde pública do Paraná

Rodrigo Tomazini, pré-candidato ao governo pelo PSTU do Paraná
É urgente a necessidade de nos mobilizarmos e unir forças aos movimentos sociais e sindicatos que irão se manifestar hoje (25/02) às 14 horas na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). O governador Beto Richa do PSDB quer aprovar a toque de caixa a privatização de diversas áreas do serviço público estadual, em especial a saúde. Ontem (24/02), os deputados da base aliada de Beto Richa apresentaram requerimento que transforma a sessão de hoje em Comissão Geral para aprovar os Projetos de Lei 22 e 726/13.

Não esperávamos outra coisa deste governo, que governa para os grandes empresários do campo e da cidade. Com esta política, o governo do PSDB mostra que prefere governar favorecendo os grupos empresariais que querem enriquecer através da exploração da saúde como uma mercadoria. Lembramos ainda que Beto Richa segue a linha de privatizações semelhantes à praticada pelo governo federal, um exemplo, é a privatização dos hospitais das universidades federais através da EBSERH (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares).  

Ao mesmo tempo, caso esses projetos sejam aprovados, teremos um duríssimo ataque a ao Sistema Único de Saúde (SUS), que foi conquistado após muita luta dos trabalhadores na década de 1980. Também significará um ataque terrível aos trabalhadores da saúde pública, pois acabará com a contratação através de concursos públicos, valendo a contratação em regime CLT. Vale lembrar que os salários pagos aos trabalhadores da saúde contratados pelo regime CLT é em média 60% inferior aos contratados por concurso, ou seja, os maus salários afetarão a qualidade dos serviços prestados à população e os trabalhadores da saúde serão mais explorados.

Chamamos todos os lutadores e lutadoras que querem um país melhor para unir forças e tentar barrar esta manobra nefasta do governo do PSDB, que quer votar a toque de caixa esses projetos que privatizam várias áreas do serviço público estadual. Está em cima da hora, mas é possível fazer uma grande manifestação nas galerias da ALEP. Os sindicatos e movimentos sociais estão empenhados em mobilizar tudo o que podem. É hoje (25/02), às 14 horas. Nosso partido fará o possível para fortalecer esta luta.

  • Beto Richa não aceitamos a privatização! Não as Fundações!
  • Contra o PL 726 e PLC 22 que privatizam os serviços públicos estaduais!
  • Contra as privatizações do governo estadual! Contra as privatizações do governo federal!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui a sua opinião!

Marcadores