15 de julho de 2013

ELAS MARCHARAM NOVAMENTE!

Em sua edição 2013 (13/07), a Marcha das Vadias em Curitiba reuniu cerca de 1,5 mil pessoas.
Homens e mulheres se juntaram para levar às ruas palavras de ordem contra a violência às mulheres, fora Feliciano, contra todos os tipos de opressão, contra o estatuto de nascituro, entre outras.
O ato começou por volta do meio-dia na praça 19 de dezembro
(também conhecida como praça do homem nú) e foi até a boca maldita, parando o trânsito por onde passava e chamando a atenção das pessoas nas ruas.
Durante o trajeto, houveram 3 paradas temáticas. A segunda parada, ao lado do Paço da Liberdade, trouxe o tema da opressão racial. Segundo a organização do evento, Curitiba foi a única cidade a tratar do tema.
Com encenação, música e falas, elas mostraram como a mulher negra sofre duplamente- pela sua condição de gênero e também de raça.
Com cartazes como: “ vamos enegrecer o feminismo” elas marcaram posição durante, não somente esta parada, mas todo o ato.



O PSTU e o MML estiveram presentes na marcha levando seu apoio e pautas pois acreditamos que a luta pela emancipação das mulheres não está separada da luta pela emancipação de toda a classe trabalhadora, através da revolução socialista e portanto deve ser levada cabo diariamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui a sua opinião!

Marcadores